7 Lições de estilo que podemos aprender em filmes


Sempre que vejo um filme tento tirar alguma lição por menor que seja, e traze-la para minha vida, acredito que os diretores ou escritores tentam acrescentam pensamentos e ideologias em seus filmes.

Mas focando em moda... muitos filmes vistos com olhares mais atentos, podem nos ensinar lições de estilo, ainda que este não seja o tema principal da trama. Pensando nisso reuni algumas das lições de estilo que podemos aprender nas telonas.

Seja original


Na famosa frase "Florais? Na primavera? Que inovador." dita por Miranda Priestly em O diabo Veste Prada tiramos a seguinte conclusão: fuja do óbvio! Não tenham medo de arriscar e inovar nas combinações, saia de sua zona de conforto. E principalmente questione o que é imposto como padrão.

Preto é tudo!


O pretinho básico faz milagres em uma guarda-roupa. E Morticia Addams nos mostra que apostar em tons neutro ou mesmo feito de uma cor só pode, sim, ser muito chic.

Tenha autocontrole


"Porque quando eu compro, o mundo se torna uma lugar melhor... E depois deixa de ser"
A garota da echarpe verde nos ensina uma lição muito valiosa, fazer comprar podem sim nós fazer sentir melhor, mas se não tivermos controle tudo desmorona e o efeito é contrário. Por isso resista ao canto da sereia das vitrines.

Nada substitui o rosa

Não duvide do pink power. Embora seja subestimada por muitos ela representa o poder feminino e é usada em símbolos importantes como o da luta contra o câncer de mama. Elle Woods de Legalmente Loira já afirmava: “Quem disse que laranja é o novo rosa deve ser alguém seriamente perturbado”.

Pense duas vezes


Em Um Sonho Impossível a atriz Sandra Bullock também deu um ótimo conselho para quem quer evitar o excesso de compras e se deixar influenciar pelo estilo dos outros: “Antes de escolher algo, pense em você usando a peça. Pergunte a si mesma: ‘isto sou eu?’”.

Saiba o que você ama


Antes de levar algo para casa, pense se você gosta ou ama tal peça. Bianca, de 10 Coisas que eu Odeio em Você, explica: “Veja, há diferença entre gostar e amar. Eu, por exemplo, gosto do meu tênis Skechers, mas amo minha mochila da Prada”.

10 Comentários

  1. pensei que só eu fazia isso de ficar procurando lições em filmes kkkkkk excelente post!

    ResponderExcluir
  2. Praticamente todos os meus filmes preferidos juntos! Amei, amei, amei ❤️❤️❤️

    ResponderExcluir
  3. Obrigado! É uma excelente terapia hahaushaus por isso sempre vejo e revejo o filme para pegar tds os pontos.

    ResponderExcluir
  4. Verdade?! Então acertei em cheio ;) fico feliz que gostou!

    ResponderExcluir
  5. Obrigado por tirar um tempinho para ler Helen! Fico muito feliz em saber que gostou. ;) Grande abraço!

    ResponderExcluir
  6. Eu também sempre busco lições em coisas que assisto/leio. Eu acho que na moda o que vale sempre é originalidade e conforto. Pra mim, eu tenho que me sentir bem com algo pra usar. Não adianta nada por exemplo estar na moda vestidos que praticamente são vestidos a vácuo. Eu não me sinto confortável com eles e não vou usar. A merma coisa com mix de estampas. Não combina comigo e ponto.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  7. Disse tudo! A moda foi feita com o intuito de nos expressar e mostrar o estilo individual. Temos sempre de vestir com o que nos sentimos bem e não para impressionar outros. Obrigado pelo comentário sincero!

    ResponderExcluir
  8. Você conseguiu achar uma conexão entre Um Sonho Impossível e moda? Socorro! Haha. Nunca tinha tido essa visão, mesmo nos filmes que já assisti mais de uma vez e amo como O Diabo Veste Prada. Parabéns pela amplificação da visão! Tô só amores pelo seu blog.
    Lysonjeada

    ResponderExcluir
  9. E não é... tem hora que faço uma conexões meio loucas nos filme que acabam dando certo hsuhaushauh Obrigado Lysia

    ResponderExcluir