In Fashion News News

Grife é acusada de racismo após montar vitrine com manequins negros pendurados pelos pés


Na segunda-feira (01/02) está circulando uma imagem da vitrine da grife Reserva, do Rio de Janeiro, montada no Rio Sul Shopping Center, na zona sul da cidade, onde dois manequins negros estão pendurados pelos pés, o que logo criou revolta nas redes sociais e começou a discussão em torno do que alguns interpretaram como sendo um ato de racismo


Em um esclarecimento ao jornal Extra, a empresa informou que os manequins da marca são pintados de preto e que já é uma tradição eles serem pendurados de cabeça para baixo em períodos de liquidação. A grife negou que exista qualquer postura discriminatória.

A marca também não ficou calada e fez uma crítica ao autor de uma das imagens dos manequins, que teria desconsiderado o histórico dela ao apontar o racismo.


Nem mesmo nas redes houve consenso, com alguns criticando a empresa e outros apontando que não havia qualquer racismo no caso.

Related Articles

0 comentários:

Postar um comentário